28 de Julho de 2014

New Balance?


Há uns tempos atrás tinha falado aqui que estava a pensar comprar umas sapatilhas em preto, lembram-se? Inicialmente estava inclinada para as All Star da Converse, que adoro e são muito confortáveis. Mas depois pensei, outras iguais? Porque não umas New Balance que também são tão giras e versáteis? E pronto, fiquei a moer no assunto e ainda não tomei uma decisão. Não sei quanto a vocês, mas eu não sou moça que investe uns oitenta ou mais euros num par de sapatos sem pensar muito bem antes se é mesmo aquilo que eu preciso e que me faz falta. No dia a dia são cada vez mais as vezes em que opto por calçado raso. Desta vez nem me vou queixar das dores de pés. Nos últimos tempos tenho sido acometida mas é por dores na costas. E não são fáceis de gerir, não. Demoram dias a passar. Pareço uma velhinha de oitenta anos, é o que eu digo. Mas voltando ao assunto, não acham estas New Balance muito lindas? Compro? Elas até estão com desconto e tudo! ;)


Pin It

Às vezes dá vontade de desistir, dá...

Quando se decide mudar de vida, a nível profissional, parece que a parte mais difícil é a de tomar a decisão. Pois, parece. Não é de todo. O pior são mesmo os primeiros tempos (digo eu). Aguentar a falta de trabalho, a frustração e mantermo-nos firmes e fortes na decisão não é para fracos. Principalmente se já não temos vinte anos e achamos que a nossa margem para cometer erros já está um pouco esgotada. É preciso acreditar, trabalhar, mostrar aos outros que acreditamos em nós. Se o humor nos atraiçoa e nos sentimos inseguros, convém que ninguém perceba e que essa fase não dure muito. Mas há dias complicados. Aqueles em que apetece desistir porque existem demasiadas pedras no caminho. Hoje é um desses dias.

Pin It
25 de Julho de 2014

É penoso ir ao Pingo Doce

Praticamente de dois em dois dias, é ver-me lá batida. Por muito que uma pessoa tente ter um pouco de tudo em casa, há sempre coisas para comprar. É os legumes para a sopa, a fruta, o pão e mais um ou outro produto que tenha acabado entretanto. Sempre me achei uma sortuda neste aspecto. Tenho um Pingo Doce a 50 metros de casa, não preciso meter-me em transportes e filas de trânsito para quase nada. Mas um dia tudo mudou. E foi naquele dia fatídico em que o dito supermercado resolveu meter todos os produtos a metade do preço. Aquilo que foi uma publicidade do caraças! À parte de todas as confusões geradas na época, as pessoas começaram a encarar o Pingo Doce como sendo aquele sítio que tem os preços mais espectaculares.Toda a gente sabe que eu adoro um bom desconto mas há lojas que não têm capacidade de albergar tantos compradores. A daqui deve ser considerada uma mini loja, porque é mesmo pequena, então a qualquer hora do dia que eu resolva lá meter os pés levo com filas intermináveis nas caixas de pagamento. Isto ainda que todas as caixas estejam a funcionar. E se há coisa que me dá nos nervos, são filas de pessoas. Então o que antes era fácil e até prazeroso, tornou-se um suplício. Por isso eu faço um apelo aos senhores do Pingo Doce. Tratem de fazer obras naquilo se querem vender mantendo os clientes satisfeitos. Ou isso, ou arriscam-se a perder uma cliente da minha qualidade. Tenho dito.

Pin It
24 de Julho de 2014

Dicas de Compras by O Boticário

Não sei se já repararam mas esta é aquela altura do ano em que O Boticário enlouquece e põe uma data de produtos com 70% de desconto! E vale mesmo a pena aproveitar! Por exemplo, os protectores solares, que são bons que se fartam, estão a metade do preço. Como usamos no rosto o ano inteiro, convém fazer stock. Há também muita maquilhagem desde 2,99€. É espreitar! ;)

Pin It

Nunca pensei dizer isto mas...

... se calhar era boa ideia fazer uma sessão fotográfica. :/ Não gosto nada dessas coisas porque fico muito envergonhada à frente da câmara e também acho que fico sempre mal nas fotos. O problema é que costumam pedir-me fotografias com boa resolução e tal para representar o blog, por exemplo, e eu nunca tenho. Vou ter que debruçar-me sobre o assunto.

Pin It
23 de Julho de 2014

Pedidos ao Universo #1

Senhor, dai-me um mês de Agosto cheio de trabalho (e de dinheirinho, já agora), de boas notícias, de boas mudanças, e que passe rapidinho, sim? Assim só para compensar coisas passadas. Agradecida.

Pin It

Isto de ser mulher é muito complicado #1


Quer-me parecer que este é um tema que ainda vai dar muitos posts. Ou então não, mas por via das dúvidas, já ali fica assinalado o número um. Então, estava descansadinha da minha vida por essa Internet fora quando me deparo com a imagem destas botas. Uma pessoa até nem anda muito virada para as compras de roupa e afins tal é a quantidade de dinheiro que gasta em produtos de maquilhagem, mas depois vê isto e fica o caldo entornado. Elas são tão lindas e tão perfeitas para este tempo estúpido que se abate sempre pela minha cidade, que acho que até fico com os olhinhos a brilhar. Claro que, é o tipo de peça que nunca compraria, única e somente porque o seu preço ronda os oitocentos e qualquer coisa euros, mas não obstante, uma pessoa fica a pensar que esta vida é uma chatice, que nunca mais sai o euromilhões e que não tenho nada de jeito para vestir. A imagem da Rosinha (Rosie Huntington) perfeita neste vestido amarelo também não ajuda muito, é facto. E é isto, bastou um click para eu me ficar a sentir um bocado pobre e miserável. 

Pin It
22 de Julho de 2014

Desabafos, partilhas e considerações...

Ah e tal precisava de um congelador maior, dizia eu há uns tempos. Neste momento, tenho três (TRÊS) caixas (CAIXAS) de gelados diferentes lá dentro. :D :D 

Pin It

6 anos


6 anos de vida em comum, parvoíces, peripécias, amores, desgostos, amigos, alegrias, experiências, surpresas, dor, curiosidades, partilhas, trabalho, emoção, vida. Tanto havia para dizer sobre este blog e tudo o que já me trouxe. Que venham mais seis é o que eu espero! :-)

Pin It
21 de Julho de 2014

Fugir de casa

Lembram-se de eu ontem ter mencionado que tinha uma montanha russa de roupa para passar a ferro? Pois bem, hoje era o dia em que eu lhe ia fazer frente com toda a minha força. Era, leram bem, porque na hora de pegar na tábua deu-me uma súbita vontade de ir visitar o meu marido ao trabalho. :-) Não avisei e apareci-lhe lá de surpresa. O homem ia morrendo de susto e quando me perguntou o que estava eu lá a fazer respondi um inocente "apeteceu-me". Fomos lanchar, comi um bolo gigante e quando cheguei tinha muitas outras coisas para tratar, por isso, a roupa vai ter que esperar. Já tinha usado muitos estratagemas para me baldar às tarefas domésticas, mas fugir de casa, foi a primeira vez. E quer-me parecer que é para repetir.

Pin It
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...