17 de outubro de 2011

Choque de realidade


Quando vemos testemunhos destes, problemas verdadeiramente graves e que fogem completamente do nosso controle é que damos por nós a pensar, que estúpidos que somos. Sinto-me envergonhada por me queixar da minha vida, da falta de oportunidades, dos quilos a mais e tantas outras parvoíces que vou/vamos dizendo ao longo do dia. Acho que quando nos vemos a braços com um problema tão real como uma doença nem deve sobrar tempo para queixumes. Já tinha visto este testemunho há dias na televisão mas só hoje ao ler a notícia do falecimento do pai do Reinaldo Gianecchini resolvi fazer este post. Ao que parece uma dor nunca vem só e como se já não bastasse o sofrimento da luta contra a doença ainda perde uma pessoa tão importante e também para o cancro. Apraz-me dizer: Há alguma coisa que seja justa nesta vida?
SHARE:

6 comentários

  1. Uma desgraça nunca vem só, mesmo, coitado... muita força para ele.

    ResponderEliminar
  2. Parece-me que há coisas superiores que acontecem para testar as nossas forças. É tão duro aceitar estes sofrimentos seja nossos ou de outros. Porque sempre pensamos que isto não bate à nossa porta, mas hoje são uns que sofrem amanhã poderemos ser nós! :(

    http://so_risoincognito.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  3. Às vezes acho que não é justa, de facto. Outras vezes penso que se calhar temos mesmo que ser postos à prova...vá lá saber-se porquê.

    ResponderEliminar
  4. Não querida Kitty. Não há nada justo mas é por estas coisas que temos mesmo de aproveitar enquanto as coisas estão bem. E tu sabes porque também passaste por isto de perto.

    ResponderEliminar
  5. É verdade. Li hoje do falecimento do pai. Enfim, muita força para ele e para a família.

    ResponderEliminar
  6. Parte-me o coração. Cancro já levou 3 pessoas que eu amava e outras quantas que gostava muito. Pior do que peste.

    ResponderEliminar

Opinem!

© Perturbações. All rights reserved.
BLOGGER TEMPLATE BY pipdig