15 de maio de 2012

É mais ou menos este o ambiente cá por casa. Ontem o Leo pregou-nos um susto de morte! Eu distraí-me, e o raio do gato enfiou-se e saltou da nossa varanda (preciso lembrar que moramos num 8º andar?) para a varanda do vizinho. Foi o pânico, o horror! Saio de chinelos de quarto nos pés e vou tocar à campainha do vizinho. Ninguém responde. Entretanto o Leo andava todo contente da vida a explorar o território alheio. Por fim cansou-se e deitou-se com a cabeça e quase o corpo todo de fora a ver os pássaros passarem. Por esta altura eu já tinha chamado o marido, a mãe e não chamei os bombeiros porque não me lembrei... O sacaninha voltou para casa pelo mesmo caminho quando já preparávamos um passadiço de cartão. Enfim... Qualquer dia morro do coração. 
SHARE:

6 comentários

  1. Eles são mesmo uns sacaninhas:D

    ResponderEliminar
  2. E que valente susto!

    O da minha mãe, saltou de um 7º andar aos 4 meses, felizmente ficou tudo bem na altura, é preciso ter muita atenção.

    Eu moro num 5º que do lado da cozinha é como se fosse 8º e para não andar com as janelas abertas tenho "janelas de rede" para não correr riscos.

    Com estes pequenos nunca se sabe =S! Daí o ditado que os reconhece muito bem "A curiosidade matou o gato".

    Temos que ter 2000000 olhos, ainda bem que não passou de susto do traquinas do LEO. :)

    ResponderEliminar
  3. ahahah! O meu gato, o Kiko (ja faleceu) chegou a fazer me uma parecida! depois voltam como s nada fosse xD

    beijinhos

    ResponderEliminar
  4. uii nao e bonito, eu fiquei traumatizada com gatos e varandas. Eu tenho sempre as minhas janelas fechadas nas divisoes onde ele pode andar fechadas, mas infelizmente eles sao espertos e todo o cuidado e pouco. valeu pelo susto

    ResponderEliminar
  5. Participa!:)
    http://closet2me.blogspot.pt/2012/05/passatempo-bijunea.html

    ResponderEliminar
  6. :S Meu Deus que susto, imagino. Eu vivo numa moradia (numa freguesia numa ilha, nos Açores, mas na zona os carros são perigosos para os bixanos, por isso as minhas duas gatinhas estão sempre em casa, mas as safadinhas também gostam de se escapar às vezes... a sorte é que normalmente é para o quintal e não muito longe, mas é sempre um aperto no coração!

    ResponderEliminar

Opinem!

© Perturbações. All rights reserved.
BLOGGER TEMPLATE BY pipdig