25 de junho de 2012

As melhores panquecas do mundo

Este fim de semana foi tudo menos divertido. Como já contei mais atrás, fiquei doente e andei a molengar o tempo inteiro por conta dos medicamentos. Para alegrar a tarde de Domingo, resolvi fazer panquecas! Pesquisei, googlei receitas e acabei por descobrir (não, não me perguntem como não conhecia porque eu também não sei) um dos melhores blogues de comida (sim, porque quando são muito bons eu gosto de dizer "de comida" ao invés "de receitas") de sempre! Foi lá que vi estas panquecas e tive que ir a correr fazer igual. Digam lá se não parecem maravilhosas?! Sabem melhor ainda!
SHARE:

5 comentários

  1. ai que delicia, eu fiz á algum tempo mas não correu muito bem, ficou a saber muito a farinha!

    ResponderEliminar
  2. Já conhecia esta receita, não desse site, mas estamos a falar de panquecas e não há muito por onde inovar.

    Pessoalmente eu faço outra receita que gosto mais e que leva menos leite e farinha e mais ovos. Ficam mais macias, mais bolo, menos requeijadas. Mas no final das contas, é tudo uma questão de gostos.

    Adoro fazer panquecas. Na minha casa são "Confort Food" e muitos problemas meus, das minhas amigas, sobrinhas e prima, foram resolvidos com chá, chocolate quente e Panquecas. loool

    ResponderEliminar
  3. Não conhecias as receitas da Leonor de Sousa Bastos??! :D

    É estonteante a partilha que ela faz connosco, as fotos são maravilhosas! É o meu blog favorito de doces, tenho uma lista enorme para fazer e olha que já fiz alguns!! :)

    ResponderEliminar
  4. Ai mulher que isto não se faz, a chegar à hora do lanche e tu a mostrar destas coisas, mais agora que eu tentei convencer-me a mim mesma que ia entrar de dieta e logo hoje que só tenho uma maça raquítica para o lanche... vou ficar a salivar durante o resto da tarde.
    Já conhecia o Flagrante, ela realmente tem lá cada coisa mais gira... sim gira, porque eu sou daquelas que primeiro come com os olhos e só depois com a boca. Bjs

    ResponderEliminar

Opinem!

© Perturbações. All rights reserved.
BLOGGER TEMPLATE BY pipdig