10 de outubro de 2012

A sério, uma mulher sofre tanto

Que isto para emagrecer, quase tenho que andar aí a pão e água, a passar fominha de rato, meses e meses a fio. Para engordar, basta estar doente da garganta há três dias e ter obviamente que enfardar me alimentar como deve ser, e a desgraçada da balança já marca mais um quilo e trezentos gramas. 
SHARE:

7 comentários

  1. Nem me digas nada! Estava a ir tão bem com a minha dieta e agora pumba! :S

    ResponderEliminar
  2. Eu sou o contrário, estar doente tira-me a fome.

    ResponderEliminar
  3. Comigo é sempre ao contrário. Emagreço sempre que fico doente.

    ResponderEliminar
  4. Oh que chatice!!
    Quanto à tua pergunta que fizeste sim, estou no Brasil Belo Horizonte e ppara já estou a gostar. Não é fácil deixar o pais e mudar de vida com das filhas pequenas, mas para já está a compensar :)
    Bjs!

    http://hiimab.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  5. Pois, pois como te compreendo. Eu devo ser a pessoa q perde, mas tb ganha peso com a maior facilidade.
    Se no verão perdi, agora estou numa de ganhar. E é sempre a somar. :(
    As melhoras!

    Beijocas

    ResponderEliminar
  6. Ai a p*** da balança!
    Elas são umas mentirosas!

    ResponderEliminar

Opinem!

© Perturbações. All rights reserved.
BLOGGER TEMPLATE BY pipdig