18 de janeiro de 2013

Quis brincar de Deus

Sinto uma imensa raiva, não pelo facto do Lance Armstrong se ter dopado a vida toda, mas sim pelo facto de ter admitido. É que, enquanto não dissesse a verdade, existia em mim (e nos milhares de fãs que o seguem) uma réstia de esperança que estivesse a falar a verdade, e isso, fazia-nos continuar a acreditar na humanidade. Agora, com a derradeira confirmação, a desilusão não se ficou pelo facto de ter feito batota, tal como muitos fazem. É bem pior que isso. Quando ele afirma "O doping era tão natural como pôr ar nos pneus da bicicleta, ou colocar água nos bidões. Fazia parte do trabalho." fico também com a certeza que é um homem de carácter duvidoso e sem noção da linha que separa o bem do mal. E essa, foi a pior das confirmações. 
SHARE:

12 comentários

  1. Também fiquei bastante decepcionada com a noticia :(

    ResponderEliminar
  2. Hoje pensei exactamente isso quando excertos da entrevista.

    Devia ter ficado bem caladinho...

    ResponderEliminar
  3. No ciclismo devia passar a ganhar aquele que mais se dopou, não foi apanhado e chegou até ao fim. É que parece que no ciclismo aquilo é um regabofe pegado com o dopping. ISto vai de mal a pior.

    ResponderEliminar
  4. foi o meu pensamento quando ouvi as notícias!

    ResponderEliminar
  5. É uma ofensa ENORME para todos os profissionais do Desporto que participaram nas provas em que ele ganhou. No meio deles estão portugueses, pais, filhos, irmãos, pessoas que dedicaram uma vida toda a treinos rigorosos, exigentes, com um plano alimentar daqueles e uma disciplina ainda maior. É uma faltinha de nível!

    ResponderEliminar
  6. Já tinha lido em várias reposrtagens ao longo dos anos...lembro-me ate das oprimeiras vezes que li que nem sabia o quera o doping...que no mundo do ciclismo profissional não existe um unico ciclista que n tenha recorrido a medicamentos adjuvantes, ou la o que seja, doping, pronto. Por acaso é daquelas coisas que ja li em tanto sitio que nunca me passou pela cabeça que o Amstrong não se dopasse...estranho né?

    ResponderEliminar
  7. Penso EXATAMENTE o mesmo que tu!!!!
    Que desilusão!

    ResponderEliminar
  8. Penso EXATAMENTE o mesmo que tu!!!!
    Que desilusão!

    ResponderEliminar
  9. O grande problema do ciclismo é que não é um desporto qualquer, é um desporto em que não sei se algum corpo humano sem ter substâncias duvidosas no corpo aguenta pedalar 4.000km, em x dias.
    É tudo muito giro, mas eu conheço "ciclistas" amadores e não é um desporto nada fácil.
    Será que ele foi só o único que fez isso?
    Não me parece porque o ciclismo é um desporto para superhomens, e não acredito nada que alguém consiga fazer milhares de km sem um pingo de substancias que o façam conseguir.

    ResponderEliminar
  10. A hipocrisia no seu melhor! A dele e a dos que se mostram estupefactos :(

    ResponderEliminar
  11. Um conselho: devias falar apenas do que tens conhecimento. Que sabes tu sobre o ciclismo? Nada. Não dês opinião sobre um assunto que não te assiste. Hipocrisia.

    ResponderEliminar
  12. Mel,

    Não preciso de perceber de ciclismo nem de outro desporto qualquer para saber que ganhar não sei quantas medalhas recorrendo a doping é batota, falta de ética e imoral

    **

    ResponderEliminar

Opinem!

© Perturbações. All rights reserved.
BLOGGER TEMPLATE BY pipdig