11 de março de 2013

Desabafos, partilhas e considerações...

Ele passa a vida a gozar-me quando digo que tenho medo receio do mau tempo. Não estou a falar daquela chuvinha básica que cai durante o inverno. Estou-me a referir àqueles ventos de cem quilómetros hora, granizo que mais parecem bolas de ténis e chuva com intensidade capaz de fazer voar telhados. E depois é só ver as notícias para ficar provado que eu tenho razão em sentir medo receio. Agora há mini tornados em tudo que é sítio e fazem estragos que não são brincadeira nenhuma. Ele... continua a gozar-me. 
SHARE:

5 comentários

  1. Ele só goza até apanhar um susto. O meu pai também era assim, até ter apanhado o maior c*gaço da vida dele há uns tempos. Há coisas com que não se deve brincar.
    Beijinhos, Raquel :)

    ResponderEliminar
  2. Acho que tens toda a razão em ter receio. Cada vez mais sucedem coisas assim..

    ResponderEliminar
  3. Eu sou muito medrosa com o mau tempo fico com medo que vá tudo pelo ar

    ResponderEliminar
  4. Sabes o que resulta bem? enfia-lo num barco à vela com o mar completamente passado e com ventos de 60 km/h. Juro que nunca mais te goza - e fica de cama 1 mês a recuperar :p

    ResponderEliminar
  5. Ei anovska, eu sou gozão por natureza. Onde é que está o barco? :P

    ResponderEliminar

Opinem!

© Perturbações. All rights reserved.
BLOGGER TEMPLATE BY pipdig