3 de abril de 2014

Gestão familiar

Quando toda esta confusão (falo em termos de saúde) começou, era um tal de análises e consultas todas as semanas e com médicos diferentes que eu e o Eduardo na correria do dia a dia até chegávamos a confundir. Foi nessa altura que resolvemos partilhar um calendário do google, onde cada um ia apontando as coisas que tinha para fazer. A coisa foi evoluindo e eu que costumo ser reticente no que toca a documentos partilhados, agora não sei viver sem ele. Agora sei sempre quando ele tem um almoço ou reunião, ele sabe quando e onde tenho trabalho marcado e anda tudo muito mais organizado. Continuo a ter a minha agenda pessoal mas a agenda do casal vai dando muito jeito. ;-) E vocês, como se organizam?
SHARE:

6 comentários

  1. Exactamente assim, já há muito tempo. É o melhor. Até para as despesas conjuntas temos documentos partilhados, para as nossas informações tipo nibs, números de documentos...quando é preciso está sempre tudo à mão!

    ResponderEliminar
  2. Exatamente da mesma forma... Dá um jeitão para quando precisamos de marcar alguma coisa separada ou em conjunto...e assim sabemos sempre o tempo que temos disponível. Já não consigo "viver" sem esta agenda...até porque o meu ritmo diário não me permite lembrar de tudo e assim é muito mais fácil. Beijinhos :)

    ResponderEliminar
  3. Ainda não tenho essa necessidade, mas parece-me uma boa ideia ;)

    ResponderEliminar
  4. Agendas eletrónicas são sempre melhores do que papéis pendurados no frigorífico e compromissos verbais! :)

    ResponderEliminar

Opinem!

© Perturbações. All rights reserved.
BLOGGER TEMPLATE BY pipdig