11 de março de 2015

Esta coisa da vida saudável (2)

Depois de um fim de semana com alguns pecadinhos pelo meio, segunda feira foi dia de recomeçar a alimentação saudável. Enquanto cozinhava o almoço dei por mim a pensar "ahhh que saudades eu tinha da minha pescada ao vapor". Parece de loucos, eu sei. Se me contassem que um dia tal pensamento me passaria pela cabeça eu diria que estavam a enlouquecer. Ou vocês, ou eu. Hoje em dia acredito que é mesmo uma questão de hábito e de saber cozinhar os alimentos. As ervas aromáticas e os temperos podem fazer verdadeiros milagres, acrescentando sabor aos nossos pratos e tudo isto sem prejudicar a saúde.


Claro que nem tudo é fácil. Uma coisa que me chateia a alma é o arroz integral. Ao contrário da massa, está difícil de me habituar quer a comer, quer a cozinhar arroz integral. Primeiro porque demora imenso a cozer, e a pessoa não tem tempo nem paciência para tanto. Depois porque por muito que cozinhe o arroz fica sempre um pouco duro e com pouco sabor. Há sempre a possibilidade de eu estar a cozinhar a coisa mal ou haver outra perspectiva mais positiva acerca deste item e que eu desconheço. Mas para já, não me agrada. Alguém tem segredos alimentares escondidos que queira partilhar?
SHARE:

6 comentários

  1. Cozinho arroz integral no mesmo tempo que o arroz normal e sabe exatamente igual.

    ResponderEliminar
  2. O meu fica sempre terrível e o problema é que eu adoro arroz integral mas não como muitas vezes porque infelizmente sou péssima a cozinhá-lo.

    ResponderEliminar
  3. A primeira vez que fiz arroz integral nem sabia que levava mais tempo a cozer, cozi como se fosse branco e o resultado foi trincar pedra! Ficou rijo. Agora cozo durante +/- 15minutos e deixo repousar mais uns minutos, fica bom, mas o arroz integral tem sempre uma textura mais rija que o branco. Ainda hoje comi. Quanto ao sabor, primeiro estranha-se, depois entranha-se :)

    ResponderEliminar
  4. A base da minha alimentação agora é mesmo o arroz integral. Primeiro que tudo, deves passá-lo por água umas duas vezes e depois deixá-lo de molho por umas horas, senão ele depois não abre. Põe-no em lume alto até ferver, e depois baixa para o mínimo por uns 30/40 minutos (até a água desaparecer). Eu adoro!
    Normalmente faço uma quantidade grande, pois realmente não é muito prático. Mas faz um bem terrível!

    ResponderEliminar
  5. Adoro arroz integral! E como cozinho sempre sem sal adicionado, arriscaria dizer que tem até mais sabor que o arroz branco. Costumo deixar um pouco de molho, e cozinhar cerca de 30 minutos...

    ResponderEliminar
  6. Não sei bem porquê, mas só gosto feito na bimby. São 40 min naquilo, mas fica muito melhor.

    ResponderEliminar

Opinem!

© Perturbações. All rights reserved.
BLOGGER TEMPLATE BY pipdig