17 de março de 2015

Os Blogs, as maquilhagens e as dicas infinitas de produtos

Ainda só estou a escrever a primeira linha e, à velocidade que as ideias fervilham na minha cabeça, tenho quase a certeza que isto vai ser um longo post. Portanto, tenham um bocadinho de paciência, sim? ;)

A blogosfera e o mundo virtual estão sempre a mudar. Às vezes é necessário pararmos, analisarmos o que anda a ser feito, vermos se isso se identifica connosco, e escolhermos um caminho. Pensar faz bem. Analisar as coisas também. Não gosto de pura e simplesmente seguir o rebanho e depois sentir que não estou a ser fiel a mim própria e muito menos a quem me lê. 


Hoje em dia a maioria dos blogs centra-se na imagem. Acho importante ter um blog bonito, apelativo, cuidado, com boas fotografias. Mas o resto também importa. O que está lá dentro, o conhecimento, a informação, a pesquisa, os sentimentos que se colocam nas coisas que se escrevem. É comparável talvez a uma mulher (ou homem) muito bonita mas que depois não tem nada na cabeça e limita-se a repetir aquilo que lhe dizem, percebem a ideia? 

Por muito que o mercado goste por aqui não vai ser assim. Temos pena. Há muito por onde escolher, portanto, não precisam se chatear. O Blog vai mudar de imagem (que esta já me chateia e não é funcional), talvez mude de domínio (e o nome fique mais pequeno) mas a essência vai continuar cá. 


A pedido de muitas famílias vou começar a escrever mais sobre maquilhagem. Mas antes disso, queria esclarecer algumas coisas. Em primeiro lugar, existem vários estilos de maquilhagem e cada pessoa se identifica mais com uns do que com outros. Eu sou simples, gosto de coisas elegantes e modernas. Não faz nada o meu género as maquilhagens "vou só ali ao Carnaval de Ovar" e, por esse motivo, dificilmente as vão ver por aqui. Sei que os tutoriais do tipo Drag Queen estão muito em voga e fazem imenso sucesso por esse mundo fora mas não, não faz o meu género. Nada contra quem gosta, claro.

Outro mito que circula muito por essa Internet fora é que determinado produto de maquilhagem é muito bom. Mas depois esquecem-se de completar a frase. É bom para quem? Para peles maduras? Oleosas? E quem tem olheiras azuis, vai funcionar? E aquela moça cheia de acne deve usar? As dicas de produtos de beleza tornam-se ocas e vazias se não as direccionarmos correctamente. A pessoa que lê, vai ficar a saber que o produto X existe mas continua na ignorância de não saber para que serve. 

Vou tentar que os posts e as minhas dicas façam realmente alguma diferença na vossa vida. Sempre na perspectiva que o mundo da beleza e da maquilhagem servem apenas para fazer uma versão melhorada de nós mesmos. Continuamos a ser nós mas "em bom", percebem? 

Espero que tenham conseguido compreender a minha posição. ;)
SHARE:

5 comentários

  1. Força Raquel! O blog é teu e por isso fazes o que quiseres. Eu cá gosto das tuas ideias :)

    ResponderEliminar
  2. Boa! Vou aguardar com ansiedade, confesso. Acho que faz falta um blogue como o que descreveste. É que a maioria é, simplesmente, mais do mesmo, iguais uns aos outros, só mudando as imagens que ilustram os posts e às vezes nem isso. :p
    Força!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Gostei muito do novo visual do blog! =))

    http://agatadesaltosaltos.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

Opinem!

© Perturbações. All rights reserved.
BLOGGER TEMPLATE BY pipdig